Sábado, 29 de Dezembro de 2012

XII

Caí na praia, vinda do espaço em que amei.

Afundei os pés na água negra dos teus medos

molhei meu corpo nas mágoas que albergavas

suportei o frio dos teus beijos, o calor do teu veneno

o inebriante odor a sal e feno que a tua pele exalava

e que me era tortura e palavra.

 

Amor. Paixão. Ardor.

 

Escolhi todas as palavras que o

teu corpo me rendia e rendida fiquei

num tempo que me cativava ao teu redor.

 

Felipa Monteverde

publicado por Felipa Monteverde às 21:27
link do post | comentar | favorito
1 comentário:
De Ailime a 18 de Janeiro de 2013 às 14:27
Mais um poema que me impressionou ! Belíssimo . Beijinhos Felipa (Isto sim, é poesia)

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. XXV

. XXIV

. XXIII

. XXII

. XXI

. XX

. XIX

. XVIII

. XVII

. XVI

.arquivos

. Novembro 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds